30 de mai de 2011

Como customizar um abajur com linha e sianinha

Esse tutorial de customização da Diane é perfeito, porque enche de graça uma cúpula de abajur bem simples e é muito fácil de fazer. Mas muito fácil mesmo. Tão fácil quanto trabalho de escolinha de artes.
A dica é usar cores que combinem com o seu estilo, óbvio. Mas caso você deseje que fique com uma aparência mais elegante é só optar pelos tons neutros, e muita cor se desejar algo mais despojado. E que tal customizar usando sisal para dar um toque bem rústico? Quantas idéias vão surgir, heim?
Você vai precisar de:
  • Uma cúpula de abajur de papel
  • Fita crepe, tesoura
  • Linha de bordado
  • Alfinete de segurança
  • Sianinhas de vários tamanhos
  • Cola de tecido e cola branca
Lembre que a medida das sianinhas vai depender do tamanho da sua cúpula. Faça o cálculo.

Mãos à obra.

Comece fazendo uma bobina com a linha de bordado. Se você não tiver uma, use um pedaço de papelão ou plástico. Vai facilitar bastante.
Prenda a linha no meio da cúpula com a fita crepe, e deixe uma sobra dela para poder dar o nó no final. A bobina deve ficar voltada para a parte de baixo da cúpula.
Comece enrolando para a borda inferior e depois para a superior, como na imagem.
Continue envolvendo a cúpula com a linha. Lembre de mantê-la bem tencionada, sem entortar a cúpula, mas firme o suficiente para segurar as sianinhas.
 Preste atenção que as linhas ficarão mais próximas na parte superior e mais afastadas na parte de baixo. Cuide para que as distâncias fiquem parecidas. Não precisa ficar perfeitamente alinhado, mas também não deixe grandes diferenças que sejam percebidas visualmente.

Quando terminar de envolver com a linha, corte-a e cole com a fita crepe, apertando bem para ela não afrouxar. Deixe uma sobra para dar o nó.
Se puder pedir uma ajuda para alguém segurar os fios enquanto você dá o nó, ficará mais fácil. Lembre-se que o nó deve ficar muito firme e manter a linha tensionada.
 Terminando com o nó, retire as fitas crepe e corte o excesso dos fios.

Organize sobre uma mesa a forma como você deseja montar a sua composição. Teste várias combinações até se decidir.
Pra sianinha não desfiar enquanto você monta a cúpula, passe um pouco de cola de tecido na sua borda.
A dica é começar sua trama com a sianinha mais larga. Coloque o alfinete de segurança na borda e comece a fazer o trançado. Cuidado para não entortar as linhas de base.
Quando fizer toda a volta, não corte a sianinha antes de calcular a distância que você precisará para as demais sianinhas até a borda de baixo e a da cima.
 Quando ela estiver bem ajustada, corte-a. Lembre que ela será como um guia para as outras sianinhas, por isso deve ficar bem colocada.
Estando definida, fixe-a na cúpula com pequenas gotinhas de cola branca. Não exagere, é um pontinho aqui, outro ali. E lembre de colocar a cola de tecido na outra borda da sianinha, para não desfiar.
Repita o trançado com as outras sianinhas, lembrando de começar sempre no mesmo lugar onde começou a primeira. Não esqueça também de alternar o trançado. Se começou passando por baixo da linha, a outra irá por cima.
Dependendo da altura, pode ser que no final as bordas não se encaixem perfeitamente. Ajuste, mais para cima ou para baixo, até que consiga um melhor encaixe. Corte, e cole para não desfiar.
Aí está a cúpula customizada já pronta. Perceba que as sianinhas se alternam como numa trama.
Lindo de mais, e nem vou ficar explorando as milhões de possibilidades! Isso vai ficar por conta de vocês!!
 
Esse tutorial foi organizado pela Diane Gilleland, para o Craftize.
Fonte: http://www.viladoartesao.com.br/blog

25 de mai de 2011

Painel de arabescos de jornal para revestir paredes

 
 Para fazer os arabescos, primeiro temos que fazer os canudos de jornal, muitos canudos. Esse passo-a-passo já tá explicadinho aqui no fim deste post. Dá uma olhadinha lá antes de começar.

 A dica para fazer os rolinhos em forma de arabescos é enrolar o jornal com um arame fino colado no meio. Assim quando você modelar uma curva ele ficará firme. Isso porque no caso do painel, você não terá como dar sustentação à estrutura, que é muito leve. Lembre também de fazer os canudos mais estreitos em uma das extremidades, pois aí você vai encaixar um no outro para poder formar as curvas maiores dos seus desenhos. Depois de ter feito muito material, você escolhe um risco, transfere ele para um papel que servirá como molde de repetição do padrão. Aí vão alguns exemplos de moldes:

 Dicas de desenhos? Veja esses da Modello Designs.

 Comece a modelar os rolinhos na forma escolhida, fazendo as curvas e usando cola branca se precisar encaixar um canudo no outro. Vá formando o desenho fixando um arabesco no outro usando cola branca. Para dar mais firmeza nessa união das partes, amarre com linha de costura forte.
Quando estiver pronto, passe verniz incolor para proteger. Caso queira colorir, use tinta spray depois de ter passado o verniz. E para terminar, quando a tinta estiver seca passe uma nova camada de verniz incolor.
Fixe seu painel na parede encaixando em pregos pequenos, com cuidado para não deformar os desenho. Aliás é bom lembrar: faça painéis pequenos para evitar de antemão essa deformação.

Passo a passo
Não adianta contar o milagre e não dizer o nome do santo, então anote aí o passo a passo dos canudos de jornal ou papel que são a matéria-prima para se criar objetos, brinquedos e qualquer peça decorativa.
1- Você vai precisar de uma folha de jornal ou outro tipo de papel.
2- Dobre a folha, faça um quadrado e corte a sobra.
3- Enrole a folha e cole a pontinha no final.
Fazendo canudos de papel


Você também pode trabalhar com tiras retangulares.
1-Além da folha de papel você vai precisar de um palito de churrasco.
2- Corte uma folha de jornal ao meio;
3-Pegue um palito de churrasco e enrole o papel, que deve ficar bem justo no palito. Para finalizar passe a cola na ponta.
Como fazer os canudos de jornal

Pronto. Agora é fazer uma boa quantidade de canudinhos e escolher qual peça você quer trançar.
Fonte: Recicloteca.org.br

 O belo painel que vocês estão vendo nesse artigo, foi confeccionado pela Oficina de Artes Boracea.
Quem admira esse efeito mas não está diposto a  ter esse trabalho, pode adquirir o painel prontinho. É só entrar em contato: Oficina de Artes Boracea

Fonte: http://www.viladoartesao.com.br/blog/

Painel de parede personalizado feito com jornal

Na onda dos conceitos do Morar Mais Por Menos, vamos falar do já conhecido revestimento de parede feito com jornal, tão usado pelos arquitetos nesses eventos. Assim temos hoje duas opções de decorar usando e reciclando esse material, que além de barato é resistente e suporta bem estar exposto à poeira, por exemplo, como um papel de parede normal. Vale lembrar que eles recebem acabamento com verniz incolor, o que garante essa resistência toda.
O legal dessas dicas, é que apesar de parecerem tão óbvias elas dão abertura pra uma gama enorme de variações. Para os arabescos de rolinhos é possível criar desenhos de todas as formas. Pensando nisso as soluções são muitas, inclusive coloridas e multicoloridas.
No caso do papel de parede além de você poder fazer sua colagem com posicionamentos irregulares, dá para criar painéis separados como da imagem em cima ou ainda tirar proveito de capas de jornais com notícias marcantes e de países bem diferentes.
Ah, e antes que me perguntem, dá para usar folhas de revistas sim.

Fotos do banheiro superior Samuel Aguiar e projeto de Gabriel Marinho
 Fonte: http://www.viladoartesao.com.br/blog/

Cabeceias de cama despojadas

Tem gente que fica chateado de usar um box de cama em seu quarto, mas sem cabeceira. Pois saibam que camas sem cabeceiras abrem muitas possibilidades interessantes. Vamos ver dicas de decoração que usam objetos inusitados para criar cabeceiras de cama bem despojadas e pra lá de criativas. E o melhor: você pode reproduzir.

Aqui as molduras de janelas receberam tratamento diferenciado. Onde haviam vidros foram aplicados revestimentos de tecido.  
Outra ideia que eu gostei demais foi o uso desse biombo de ferro. A pintura da parede com um tom de constraste e uma espécie de moldura ao redor, ficou muito elegante e valorizou o conjunto. As molduras pintadas podem ser feitas usando stencil, uma dica que quebra galhos como esse com muita facilidade.
Usar veneziana de janelas de demolição foi uma solução que combinou bem com a proposta de cabeceira de cama. Muitas vezes apenas uma limpeza é o suficiente, pois aproveitamos aquela aparência antiga que a peça trás consigo.
 Fonte: http://www.viladoartesao.com.br/blog/

24 de mai de 2011

Suporte pra celular com garrafa pet

Porque é digno reciclar!!!

Fonte: http://chesller.blogspot.com

22 dicas para poupar eletricidade

Poupar é usar menos e se usar menos electricidade, vai gastar menos dinheiro por mês. É simples, eficaz e basta um pequeno gesto que já conhece: desligar botões ou interruptores. O ideal é tornar as dicas abaixo apresentadas em hábitos quotidianos – gestos económicos que vão reduzir drasticamente a factura da electricidade!
  1. Habitue-se a desligar todas as luzes cada vez que sai de uma divisão… afinal há algum motivo para a luz do quarto estar acesa que se vá passar as próximas horas a cozinhar e depois a jantar? A sua carteira agradece!
  2. Um regulador de intensidade de luz também pode ajudar a reduzir o consumo de electricidade. Em alternativa, escolha sempre a iluminação orientada, ou seja, se estiver a ler, basta ligar o candeeiro ao seu lado, não precisa da luz de tecto acesa também!
  3. Substitua todas as lâmpadas incandescentes por lâmpadas economizadoras ou de baixo consumo. Não se assuste com o preço – apesar de serem bastante mais caras que as lâmpadas “normais” é um investimento que compensará – consomem 6 vezes menos energia e duram 8 vezes mais.
  4. Pode parecer inofensivo, mas a verdade é que a sua conta de electricidade vai registar menos dinheiro se passar a desligar todos os aparelhos que possam ser mantidos em standby (aquela luz de presença vermelha que se mantém depois de apagarmos a TV no comando e que continua a gastar 25% de energia!)… isto aplica-se a televisões, DVDs, aparelhagens, etc.
  5. Desligue todos os aparelhos que não estão a ser utilizados no momento – computadores, impressoras, scanners, fotocopiadoras, máquina de café, microondas…
  6. Evite deixar o telemóvel a carregar toda a noite. Infelizmente, continua a gastar electricidade, mesmo que a carga já esteja completa. Por outro lado, quando pegar no telemóvel depois de carregado, nunca deixe o carregador na tomada, se não, vai continuar a consumir energia!
  7. Os electrodomésticos são os responsáveis pela maior fatia da conta de electricidade e os números comprovam-no: o frigorífico e congelador absorvem 30% do consumo eléctrico de um lar e as máquinas de lavar e secar, cerca de 10%. No enanto, já não conseguimos viver sem eles, mas eles podem viver em harmonia com a nossa carteira! Sempre que adquirir um electrodoméstico novo, compre um modelo da classe A – em termos de energia são muito mais eficientes. Por norma, são mais caros do que os outros modelos, mas vai obter o retorno desse investimento na factura da electricidade e em pouco tempo!
  8. Cada vez que abre a porta do forno para espreitar o assado, perde 25% de calor, o que implica que o forno terá de reaquecer (consumir mais!) para voltar à temperatura inicial. Ao cozinhar, aprenda estes 2 truques: cozinhe com as tampas das panelas colocadas, consome apenas um quarto da energia que precisasse se não o colocasse; desligue sempre o forno ou as bocas do fogão alguns minutos antes do previsto – o calor acumulado é o suficiente para continuar a cozinhar os alimentos! Em alternativa, escolha panelas de pressão ou a vapor, permitem uma poupança eléctrica até 70%!
  9. Para aquecer alimentos, escolha o microondas em vez do forno ou fogão.
  10. Os frigoríficos e arcas congeladoras devem estar longe de janelas, portas e do fogão para não os obrigar a trabalhar (e a gastar!) mais. Não coloque alimentos ainda quentes no frigorífico e mantenha o seu termóstato entre os 3º e os 5º – é a temperatura ideal para conservar alimentos – abaixo dos 3º obriga a consumos de electricidade desnecessários.
  11. Atenção à porta do frigorífico! Junte todos os alimentos para guardar antes de abrir a porta e tente retirar tudo o que precisa do frigorífico de uma só vez. Certifique-se que a porta fique sempre bem fechada, ao ficar aberta, está a gastar ainda mais do que o habitual!
  12. Sabia que um frigorífico e congelador cheios são mais eficientes do que quando estão vazios? E não se esqueça de limpar, de forma regular, o gelo acumulado no congelador – muito gelo aumenta o consumo eléctrico!
  13. As máquinas de lavar loiça e roupa só devem trabalhar com a sua carga máxima e, se possível, de noite, quando as tarifas de electricidade são mais económicas. Consulte a sua empresa de electricidade e descubra em que horário pode poupar!
  14. As máquinas de lavar loiça e roupa gastam mais energia no aquecimento da água, ou seja, basta lavar a 40º em vez de 60º para poupar mais de 40% de electricidade! Se puder, lave com água fria (o ideal para roupa escura, aliás!). Para além disso, a maioria destes electrodomésticos disponibiliza programas económicos, por isso, aproveite-os na hora de lavar!
  15. Sempre que possível, troque a máquina de secar roupa pelo estendal e o ar livre. Porém, quando a utilizar, não se esqueça, sempre na carga máxima e faça várias secagens seguidas para aproveitar o calor acumulado!
  16. Reduza o tempo de utilização do aquecimento e ar condicionado, isolando bem portas e janelas para manter o calor e o frio dentro de quatro paredes. Se puder escolher, opte por vidros duplos – para além de garantir um excelente isolamento térmico, o excelente isolamento acústico vai trazer-lhe muito sossego!
  17. Nos meses de Verão, mantenha janelas e estores fechados nas horas de maior calor, abrindo-os de manhã ou à noite (quando estiver mais fresco) para arrefecer a casa. Isto pode levar a uma menor utilização de ar condicionados. Por falar em ar condicionado, deve limpar ou mudar o seu filtro todos os meses – pode poupar até 20% de electricidade! Outro truque: basta manter uma temperatura ambiente de 25º, em vez de reduzir para os 20º, por exemplo, para continuar a amealhar! Em alternativa, escolha as ventoinhas – de tecto ou de pé – são muito mais económicas!
  18. Adquira um termóstato eléctrico – trata-se de um pequeno termóstato que, ligado ao seu aparelho de climatização, pode ser programado para ligar nos horários mais económicos.
  19. Baixe a temperatura da água quente. Se o seu esquentador for eléctrico, basta reduzir alguns graus da temperatura da água (provavelmente nem vai notar!) para começar a poupar já!
  20. Use e abuse da luz natural. Abra as cortinas e estores para iluminar e para aquecer as casas em dias de Inverno (certifique-se que todas as janelas e portas estejam bem isoladas para não impedir que o calor fuja ao anoitecer). É gratuita! Quer melhor argumento?
  21. Instale um painel solar e aproveite o sol para aquecer a sua casa!
  22. Pode ainda poupar electricidade no exterior da casa. De forma directa, com a instalação de sensores, para que a iluminação exterior seja activada apenas na presença de alguém. De forma indirecta, através da jardinagem, ou seja, plante árvores e arbustos altos para criar agradáveis sombras no Verão e para bloquear ventos gelados no Inverno.
Fonte: http://saberpoupar.com

22 de mai de 2011

Resgate o papelão

Siga o passo a passo e você verá que de forma bem rápida é possível transformar caixas de papelão em nichos organizadores, criando uma nova perspectiva para seu ambiente.

















Dicas
Se quiser ousar um pouco mais, use as caixas decoradas como mininichos, prendendo-as à parede. Para isso, as caixas de madeira são mais indicadas, já que elas podem tanto ser pregadas quanto apoiadas em mãos francesas. Já se forem de papelão, cole uma ripa de madeira no lado que será apoiado, antes de revestir. Assim, elas aguentam de 1,5 a 2 Kg.






Onde encontrar:
Acrilex Tel.: (11) 4397-9255; www.acrilex.com.br
A Lot Of Concept Store Tels.: (11) 3068-8891, 3068-9370; www.alotof.com.br
Casa Ronim Tel.: (11) 3021-4612
Cia Artesanal www.ciaartesanal.com.br
Crie Futon & Home (11) 3081-1210 www.futonandhome.com.br
Giuliana Flores Tel.: (11) 3383-1700; www.giulianaflores.com.br
Henkel www.henkel.com.br
TecDec SAC 0800-7700748; www.tecdec.com.br
Telhanorte Tel.: (11) 3868-6300; www.telhanorte.com.br 

Passo a passo no site: 
http://portaldecoracao.uol.com.br/decoracao/Portugues/detNoticia.php?codnoticia=48

Fonte: http://portaldeartesanato.uol.com.br